Skip to main content

A polêmica por detrás de Game of Thrones S05E09

Antes de tudo, obviamente, tenha em mente que esse texto está cheio, repleto de SPOILER! Portanto, vou falar mais uma vez: texto com SPOILER. Pela última vez: SPOILER ALERT!!!

O episódio exibido ontem (S05E09 – The Dance of Dragons) gerou bastante conversa nas interwebs. A decisão de Stannis Baratheon  O-Cara-Mais-Odiado-das-Interwebs-Atualmente de sacrificar sua própria filha para atingir seus objetivos foi considerada por muitos o ápice da temporada e um ponto de divergência em relação à história contada nos livros d’As Crônicas de Gelo e Fogo. Pois bem, estou aqui para dizer o seguinte: nós esperávamos por isso.

De acordo com o site Hypable, a decisão pode ter vindo direto do próprio criador do universo, George R. R. Martin. Segundo o vídeo Inside the Episode, lançado semanalmente pelo canal de Game of Thrones no Youtube, David Benioff (produtor executivo e escritor da adaptação) fala:

Meu deus, isso é tão horrível – e tão bom para a história, porque tudo se encaixa.

Bom, mas vamos parar um pouco de pensar “ah, mas isso não está escrito no livro blá blá blá“. Acho que já chega desse discurso. Vamos focar no que temos agora. Vamos nos deixar levar pela história que estamos presenciando no momento. Eu concordo com Benioff quando ele explicita no vídeo que isso estava por vir desde o momento que fomos apresentados ao núcleo da sacerdotisa do Deus R’hlor, Melissandre, e seu tão implacável Rei Stannis naquela praia, com sacrifícios humanos. Além do fato de sabermos o quão poderoso é o sangue dos Baratheon, também temos a noção de quanto “mais especial” é a pessoa a ser sacrificada, maiores são as recompensas. E que temos aqui? A maior recompensa que Stannis poderia receber.

Acredito que as pessoas poderiam parar de querer que uma história seja a cópia escarrada da outra ou uma simples adaptação sem modificações. Acredito também que estamos diante da produção transmídia que já entrou vai entrar para a história da humanidade, onde um livro pode adaptar sua própria adaptação – how fucked up is that?!

Mesmo assim, simpatizo com os mais fanáticos pelos livros. “Como eles farão para modificar a história?”, “E agora? O que será da pobre Shireen nos livros?”, “OMG, o que farei da minha vida se isso acontecer também?”. Bom, você pode se preparar, porque provavelmente isso vai acontecer. O que nos resta é esperar para ler. Porque ver e crer nós já o fizemos.

Kaio C. de Oliveira

Curumim Nerd desde o tempo que colecionava HQs do Spawn e carrinhos da Hot Wheels. Hoje joga Dota 2 e CS mais do que o normal e faz TCC sobre e-Sports. Viciado em suco de muruci e tapeberebá.